quarta-feira, 11 de outubro de 2006

Pelo bem do seu país, não vote em Alckmin!

Este é um trecho de um documentário feito por uma rede de tv australiana. Vejam como Alckmin é educado com a entrevistadora (arrogância?). vejam como ele nem quer tratar do assunto.

Tudo bem, eu assunto que na economia não há grandes diferenças do atual governo para o anterior, excluindo, é claro, o fim das privatizações e a liquidação do Brasil realizada pelo governo do PSDB.

Mas uma coisa é clara, a política do PSDB/PFL (direita conservadora) é recheada e coberta por uma insensibilidade social histórica. Eles governam para as elites, para os patrões e para os ricos. E continuará sendo assim se esse Alckmin for eleito.

Pelo bem do seu país, não vote em Alckmin!

Um comentário:

Társis Valentim disse...

Entre os dias 12 e 20 de maio de 2006, a semana dos ataques do PCC, 492 pessoas foram mortas por armas de fogo no estado de São Paulo. A polícia admite 126 mortes em confronto direto e a Ouvidoria encaminhou para investigação outros 71 casos de autoria desconhecida. Os laudos de muitos dos 295 restantes nunca foram divulgados, porém sabe-se que a maioria não tinha antecedentes criminais, e eram negros ou pardos, e
pobres. Tudo indica a presença de grupos de extermínio comandados pela polícia.
Um massacre sem precedentes e, até hoje, 5 meses depois, sem
esclarecimentos.
E a mídia silenciou. Foi tudo acobertado?
Confira um trecho da reportagem "Mean Streets of São Paulo" realizada
pela Produção do Programa Dateline, do canal SBS da Austrália, que causou comoção naquele país, e tire as suas próprias conclusões -- quem
é o verdadeiro culpado?